De mim

Suavemente, elas vão se transformando.
O pretinho básico da noite vai se despedindo.
Em ritmo de degradê, um azul bem claro vai sendo vestido.
Sua sutileza é interrompida por uma explosão de amarelos, rosas e vermelhos.
O sol veio me acordar. É muito cedo, mas eu não me importo.
O espetáculo se reflete e se multiplica sob as lâminas d’água.
A brisa completa o bom dia, me faz querer voltar pro aconchego das mantas.
Um abraço se antecipa. Me envolve por completo.
É tudo azul novamente.
Não existe mais ninguém ali, tão pouco no mundo.
Somos só nós dois. E as cores.
Sem pente, sem espelho e sem neuras.

Gostou? Deixe seu comentário.
Já curtiu a página do Facebook: aqui.

Anúncios
Etiquetado , , ,

2 pensamentos sobre “De mim

  1. disse:

    Que lindo!

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: