os ipês

 

lindos e efêmeros

mal chegaram, já estão se despedindo

talvez se estivessem sempre lá, poucos os notariam

.

peraí, e não é que eles já estavam ali antes

quase invisíveis, camuflados na paisagem

galhos secos ensaiando para seu espetáculo anual

.

e eis que suas flores chegam

ou melhor, estreiam

atraem para si todos os olhares

para, em seguida, sairem de cena

.

será a brevidade um dos segredos do seu fascínio?

.

fascinantes também são as suas cores

amarelos que contrastam com o anil do céu

rosas que interrompem o cinza da rotina

.

são convites

para ver além

para se viver o belo

e para praticar o desapego

 

 

Gostou? Deixe seu comentário.
Já curtiu a página do Facebook: aqui.

Anúncios
Etiquetado , ,

6 pensamentos sobre “os ipês

  1. disse:

    Que texto singelo. Lindo.

  2. Maria Beatriz Silveira Luz disse:

    Oi Dani!
    Realmente são e estão lindos! Eles são o alerta da primavera.

    bjs. Tia Bê

  3. Lindos, lindos! A cidade estava precisando.

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: